GERAL

Antonio Fagundes volta ao Municipal com a comédia “Tribos”

Tributo a Elton John, lançamento de livro sobre futebol, cinema e exposições são outras opções

Santo André, 13 de maio de 2015 – Nesta semana a grande atração da agenda cultural da cidade é o retorno do ator Antonio Fagundes ao Teatro Municipal Antonio Houaiss com a comédia “Tribos”. E a grande procura pelos ingressos fez a produção da peça abrir uma sessão extra. Além das duas previstas inicialmente, para os dias 15 e 16, às 21h30, haverá outra apresentação no dia 16, às 19h. E a programação conta ainda com série de outras atrações culturais.

 

Depois de duas décadas ausente do palco do Municipal o ator Antonio Fagundes volta a Santo André com a nova comédia, “Tribos”, na qual contracena com o filho, Bruno Fagundes. Na comédia, os personagens lidam com temas familiares, dificuldades e limitações do ser humano. Indicado para maiores de 14 anos. Ingressos a R$ 80. No domingo, às 19h, é a vez do “Tributo a Elton John”, com Rogério Martins acompanhado de uma banda impecável, que trazem ao palco com perfeição o tributo ao músico britânico. Ingressos a R$ 70. Livre. Estes espetáculos contam com meia-entrada para estudantes, professores da rede pública e aposentados. O endereço do teatro é Praça IV Centenário, s/n, Centro. Informações: 4433-0789.

Esta semana a programação da Casa da Palavra começa na sexta-feira, às 19h, com o lançamento do livro “Futebol ao Sol e à Sombra”. Com prefácio de Xico Sá e contra-capa de Mauro Betting, a publicação do jornalista e escritor Marcelo Mendez reúne crônicas publicadas no jornal ABCD Maior, do qual é colaborador. No sábado, às 10h, o público pode conferir mais um encontro do Clube da Leitura Coletiva, que neste mês aborda a obra de Karl Marx e Friederich Engels. Na oportunidade será discutido o livro “A ideologia alemã”. Mediação de Thiago Sereno Ricardo. A partir das 12h, será realizada mais uma Sacada Literária, na qual o público pode trocar livros. E às 14h, o professor da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Diego Flecha Vermelha, profere palestra sobre Paulo Freire e as oportunidades que sua obra oferece para a área da Educação. A Casa da Palavra fica na Praça do Carmo, 171, Centro. Grátis.

Ainda no sábado, às 13h, a Biblioteca Nair Lacerda receberá a 12ª “Quantum Fiction”, encontro de aficionados em ficção científica com apresentações de cosplays de personagens, trechos de filmes, bate-papo e debates sobre temas relacionados ao universo da ficção. Entrada franca. A biblioteca fica na Praça IV Centenário, s/n, Centro.

Exposições – As obras que integram o 43º Salão de Arte Contemporânea Luiz Sacilotto podem ser conferidas na quinta e sexta-feira e sábado das 14 às 19h. A mostra está em cartaz no Salão de Exposições do Paço Municipal (Praça IV Centenário, s/n, Centro). No Museu de Santo André Dr. Octaviano Armando Gaiarsa as atrações são as exposições “Vistas da Cidade”, que reúne fotos do acervo do Museu com intervenções em grafite do artista Paulo Tolezano, “Traços e Cores – A presença da arte em Santo André”,  composta de objetos, documentos e fotografias doadas ao acervo do Museu por artistas da cidade ou seus familiares, e “A Arte pelos olhos de Alberto Schoeps”, com pinturas  de Alberto Schoeps, um dos primeiros moradores da Vila Alpina. Na quinta e sexta-feira as visitas podem ser feitas das 8h30 às 16h30, e no sábado, das 9h às 14h30. O endereço é Rua Senador Fláquer, 470, Centro. Entrada franca.

Já na Casa do Olhar, no sábado, às 11h, acontecerá a abertura da exposição de fotografias “Avenida Industrial”, de Marcia Alves, que tem como tema a avenida e as pessoas que por ali transitam e mantém viva esta que é uma das principais vias da cidade. Na oportunidade será realizado também o lançamento do livro “Avenida Industrial: Um século de história em Santo André”. O endereço da Casa é Rua Campos Sales, 414, Centro. Entrada gratuita.

Cinema – O Projeto Ponto MIS, parceria entre a Escola Livre de Cinema e Vídeo (ELCV) e o Museu da Imagem e do Som, traz à cidade nesta quinta-feira mais dois filmes. A partir das 17h serão exibidos o curta-metragem “Lápide”, de Paulo Morelli, 1997, no qual um casal discute sobre o amor, a morte e a compra de um túmulo (17’, livre), e o longa “Reflexões de um liquidificador”, do diretor André Klotzel, que tem como personagens um liquidificador que conta sua amizade com Elvira, dona de casa que passa um momento agitado de sua vida após o desaparecimento de seu marido Onofre. (80’, indicado para maiores de 18 anos). As exibições acontecerão na ELCV, na Av. Utinga, 136, Vila Santa Teresinha. Grátis.

“APORIA 23ºS 46ºO” no Conchita – A peça “APORIA 23ºS 46ºO”, realizada pela turma de atores e aprendizes do terceiro ano do Núcleo de Formação do Ator da Escola Livre de Teatro, fica em cartaz até 31 de maio no Teatro Conchita de Moraes. O espetáculo inspirado no romance “O Castelo” de Franz Kafka, convida o espectador para uma expedição arqueológica, uma visita ao zoológico, um rito, um treinamento de recursos humanos, um happy hour? As apresentações acontecem aos sábados e domingos às 20h30. Ingressos distribuídos a partir das 20h na bilheteria do teatro, na Praça Rui Barbosa, 12, Vila Santa Terezinha.

A programação cultural é organizada pela Secretaria de Cultura e Turismo de Santo André. O conteúdo completo está disponível em: http://www.santoandre.sp.gov.br/biblioteca/agenda/agenda.asp. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 4433-0577.

Crédito – Divulgação/PSA

Sobre a Secretaria de Cultura e Turismo

A Secretaria de Cultura e Turismo é responsável por promover o desenvolvimento e a difusão das atividades ligadas à cultura, arte e turismo. Cuida também da preservação histórica e do patrimônio cultural de Santo André, além de promover o calendário de festividades do município e coordenar os programas executados nas bibliotecas, museus, teatros, escolas de artes, orquestra, espaços esportivos e centros comunitários.

Estão sob os cuidados da Pasta os conselhos municipais de Cultura, de Turismo e de Defesa do Patrimônio, Histórico, Artístico, Arquitetônico-urbanístico e Paisagístico de Santo André, bem como o Fundo de Cultura.

 

A respeito de Santo André

A Vila de Santo André da Borda do Campo foi fundada em 8 de abril de 1553 e extinta em 1560. A localidade passou a ser parte do município de São Paulo e apenas em 1889 é que a região passou a ter um município com nome de São Bernardo. Este abrigava todo o ABC, e com a transferência de sede em 1939 passou a ser denominado Santo André. Este nome permaneceu, e após diversas emancipações de distritos, em 1953, o município de Santo André passou a ter a área atual de 174,38 km².

Localiza-se no ABC paulista (Região Metropolitana de São Paulo), distante 18 km da Capital. A cidade é estratégica para o setor logístico, pois está inserida no principal polo econômico brasileiro, próxima a algumas das principais rodovias estaduais e federais, as quais dão acesso ao Porto de Santos e aos aeroportos de Cumbica e de Congonhas.

Conforme último Censo, divulgado em 2010, com estimativa para 2014, Santo André possui 707.613 habitantes. No ano de 2012, o PIB (Produto Interno Bruto) foi de R$ 18,085 bilhões, sendo o 32º maior do País e o 12º maior entre as cidades do Estado de São Paulo. O orçamento previsto para 2015 é de R$ 3,178 bilhões.

Links:

Visite o site: www.santoandre.sp.gov.br

Facebook: https://www.facebook.com/PrefeituradeSantoAndre

Twitter: https://twitter.com/PrefStoAndre

 

Mais informações para a imprensa:

Marcos Imbrizi: mlimbrizi@santoandre.sp.gov.br tel. (11) 4433-0137
Roberto Nascimento: rnanastacio@santoandre.sp.gov.br tel. (11) 4433-0652

Você também pode gostar...