ARTIGOS

#Dilma critica gestão de Aécio na Saúde de Minas

garante entregaO primeiro bloco do debate entre os candidatos à presidência, promovido pela Rede Bandeirantes, na noite desta terça-feira (14/10), foi marcado por duelo da presidenta Dilma Rousseff (PT) e o oponente Aécio Neves (PSDB), acerca na gestão da Saúde em Minas Gerais

A petista cobrou do tucano a falta de eficiência no setor de quando era governador e disse que o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) no Estado é o terceiro pior do Brasil.

A presidenta abriu o primeiro bloco com uma pergunta sobre Saúde. Inicialmente, Dilma lembrou que o PSDB e as demais bancadas da oposição foram contra a prorrogação da CPMF – contribuição provisória criada no governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) –, fazendo o setor perder R$ 260 milhões.

Em seguida, Dilma disse que governo tucano de Minas Gerais não cumpre o financiamento mínimo à Saúde exigido pela Constituição Federal.

“Vocês desviaram em torno de R$ 7,6 bilhões”, atestou a petista.

Em resposta, Aécio disse que os números apresentados pela presidenta não são verdadeiros, mas Dilma reafirmou as críticas.

“Quem vê agora a sua proposta, acha que o senhor é o candidato da situação.

Suas propostas sociais são só a continuidade dos meus projetos.

O governo de Minas foi obrigado a fazer um ajuste (após orientação do Tribunal de Contas de Minas Gerais).

Vocês desviaram R$ 7,6 bilhões da Saúde.

Em Minas, vocês têm o terceiro pior desempenho do Samu, um sistema de transporte de urgência para os hospitais.

Como posso acreditar que o senhor vai fazer o programa Mais Especialidades?”, pontuou.

Você também pode gostar...