AGENDA O PARTIDO

Fórum de Conjuntura do PT-SP promove debate “Novos Conceitos para Mobilizar a Militância” nesta quarta (3/6)

Grupo de Trabalho Eleitoral convida dirigentes, militantes, parlamentares, coordenadores e coordenadoras de Macros para discussão sobre organização partidária com Maria Emerich Ferraz

O GTE PT-SP (Grupo de Trabalho Eleitoral do Partido dos Trabalhadores no Estado de São Paulo) promoverá, nesta quarta-feira (03), das 19h às 21h, o 5º encontro do Fórum de Conjuntura Eleitoral, com o debate “Novos Conceitos para Mobilizar a Militância”.

A reunião acontecerá na sede estadual do PT-SP (Rua Abolição, 297 – Bela Vista – São Paulo/SP). A participação será aberta aos dirigentes, parlamentares, prefeitos e prefeitas, coordenadores e coordenadoras de Macros, filiados e filiadas, movimentos sociais e entidades da sociedade civil.

Formada em marketing, a secretária de formação do PT Mauá, Maria Emerich Ferraz, será a palestrante deste encontro. A apresentação visa o debate sobre os novos métodos de mobilização e organização partidária para dirigentes, parlamentares e assessorias.

“Neste momento em que o PT é duramente atacado por setores conservadores precisamos mobilizar ainda mais a nossa militância na defesa do PT e das nossas lideranças ”, ressalta Maria Emerich.

O Fórum de Conjuntura Eleitoral já realizou anteriormente debates sobre a reforma política apresentada no Congresso e a apresentação do planejamento da Escola Nacional de Formação do PT e da Fundação Perseu Abramo para o biênio 2015-2016.

“O PT de São Paulo deve concentrar suas energias no resgate da capacidade de organização política em todas as regiões do estado. Esta atividade tem como objetivo contribuir para o fortalecimento dos nossos dirigentes, parlamentares e militantes”, reitera o coordenador estadual do GTE PT-SP, Rodrigo Funchal.

Serviço
Debate “Novos Conceitos para Mobilizar a Militância”

Data: 3 de junho (quarta-feira)
Horário: Das 19h às 21h
Local: Diretório Estadual do PT-SP
Endereço: Rua Abolição, 297 – Bela Vista – São Paulo/SP

Calendário das Próximas Reuniões 2015
Junho – Dias 3 e 17
Julho – Dias 1º e 15
Agosto – Dias 5 e 19
Setembro – Dias 2 e 16
Outubro –  Dias 7 e 21
Novembro – Dias 4 e 18
Dezembro – Dias 2 e 16

 
Objetivos do Fórum
O objetivo da empreitada é a criação de um espaço de reuniões, debates e atividades de avaliação do cenário político no estado paulista, como instrumento de preparação para as eleições municipais de 2016. O convite é estendido a todos os filiados e as filiadas, dirigentes,secretarias e setoriais, coordenadores e coordenadoras de Macros, prefeitos, prefeitas e vices, parlamentares e lideranças dos movimentos sociais, sindicais e entidades da sociedade civil.

“É muito importante a participação dos nossos dirigentes e da nossa militância participem neste espaço democrático permanente, onde todos e todas possam dialogar sobre a realidade de cada região do estado e, com isso, iniciarmos, frente aos desafios colocados pela conjuntura adversa que enfrentamos em cada região, a construção do planejamento visando o futuro”, sintetiza o coordenador do GTE, Rodrigo Funchal.

O Fórum de Conjuntura Eleitoral inclui agenda permanente com a realização de encontros quinzenais, sempre na primeira e terceira quartas-feiras de cada mês.

A partir do diagnóstico apresentado nas reuniões, o GTE PT-SP promoverá atividades descentralizadas nas Macros, sempre aos finais de semana (sextas, sábados e domingos), na construção de um calendário em sintonia com as lideranças partidárias.

“É uma forma de garantir a presença e o diálogo constante nas regiões e cidades de São Paulo ao longo dos próximos meses. Além de diagnosticar os problemas e propor soluções, o êxito do PT, em 2016, passa imediatamente pela defesa do partido e do governo, no exercício de uma oposição qualificada aos tucanos e seus aliados no estado”, avalia Funchal.

Os objetivos do Fórum de Conjuntura Eleitoral são:
*Atuar na mobilização e motivação da militância frente aos desafios apresentados;

*Criar diálogo permanente com as Macros para traçar as estratégias do Partido e as táticas eleitorais para os 645 municípios paulistas;

*Diagnosticar os problemas e propor soluções em cada uma das 20 regiões do Estado de São Paulo;

*Encaminhar as principais demandas dos diretórios municipais;

*Qualificar a militância para o embate de oposição ao governo tucano e seus aliados no Estado.

Fonte: Fábio Sales GTE PT-SP e Comunicação PT Santo André

Foto: Divulgação

Você também pode gostar...