GOVERNOS

#Luto – Thomaz Alckmin morre em acidente de helicóptero

*** Prefeito e primeira-dama de São Paulo divulgaram nota oficial na noite desta quinta. Outras quatro pessoas faleceram em acidente ***

Thomaz Rodrigues Alckmin, filho do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, faleceu, na tarde desta quinta-feira (2), em um acidente de helicóptero em Carapicuíba, na grande São Paulo. A informação foi confirmada pelo governo do Estado, na noite desta quinta.

Outras quatro pessoas faleceram no acidente. A empresa Seripatri, responsável pela aeronave, também divulgou o nome do piloto Carlos Esquerdo, uma das vítimas.

De acordo com a empresa, o acidente ocorreu durante voo de teste, após a aeronave passar por manutenção preventiva.

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, e a primeira-dama, Ana Estela Haddad, lamentaram, em nota oficial divulgada na noite desta quinta-feira, a morte de Thomaz Alckmin.

“Sentimos profundamente por este acidente terrível e rezamos para que a família Alckmin encontre forças para atravessar unida este momento tão difícil”, disseram.

O ministro da Justiça, Eduardo Cardozo, também se manifestou por meio de nota.

“É com tristeza que recebo a notícia do falecimento das cinco vítimas do acidente ocorrido com um helicóptero hoje em Carapicuíba, na Grande São Paulo. Entre eles estava Thomaz Alckmin, filho do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin.Às famílias e aos amigos das vítimas, meus sentimentos neste momento de profunda dor”, afirmou.

O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, se solidarizou com a família Alckmin.

“Neste momento de dor, nos solidarizamos com sua esposa e filhos, com seus pais, o governador Geraldo Alckmin e dona Lu, seus irmãos e sobrinhos. Nosso voto de pesar é extensivo às famílias das demais vítimas.Espero que todos encontrem conforto na fé em Deus”, declarou Pimentel.

A presidenta Dilma Rousseff também divulgou nota em pesar pela morte de Thomaz Alckmin.

“Presto, neste momento de dor e consternação, minha solidariedade e sentidos pêsames aos pais, familiares e amigos das vítimas”, diz o documento.
Fonte:

Agência PT de Notícias

Você também pode gostar...