Macro Osasco: Com Emidio, deputados Geraldo Cruz e Valmir Prascidelli participam de #DiadeMobilizaçãoPTSP neste sábado (14)

PT Santo André
Por PT Santo André novembro 13, 2015 13:50

Macro Osasco: Com Emidio, deputados Geraldo Cruz e Valmir Prascidelli participam de #DiadeMobilizaçãoPTSP neste sábado (14)

Ao lado do presidente estadual do PT-SP, líder do partido na Assembleia Legislativa e deputado federal integram sexta edição da agenda simultânea em todo o estado

 

Fábio Sales/ PT-SP

 

Lideranças do Partido dos Trabalhadores no estado paulista, o presidente estadual Emidio de Souza, o líder do PT na Assembleia Legislativa, Geraldo Cruz, e o deputado federal Valmir Prascidelli participam neste sábado (14/11) da sexta edição do “Dia Mensal de Mobilização do PT-SP”, a partir das 9h, na Macrorregião Osasco.

 

A primeira parada será no Seminário “Conjuntura e Estratégia Eleitoral”, que será realizado em Osasco, das 9h às 13h, e também contará com a presença do prefeito anfitrião Jorge Lapas, do presidente local Zé Pedro, acompanhado dos vereadores da cidade, Valdir Roque, Mazé Favarão e Aluísio Pinheiro.

 

A partir das 11h, a agenda acontece em Pirapora do Bom Jesus, com as participações da presidenta do diretório local Aparecida Baioqui e do vereador Carlinhos Mariano.

 

O último compromisso do dia será em Carapicuíba. Estarão presentes na plenária com dirigentes e militantes, o prefeito Sergio Ribeiro, o ex-deputado e presidente do partido na cidade, Isac Reis, além dos vereadores Abraão Júnior, Alexandre Pimentel e Marciano Fernandes.

 

O coordenador regional Irineu Casemiro acompanhará todas as atividades.

 

“Prestes a completar seis edições, o Dia Mensal de Mobilização do PT no estado de São Paulo se consolida cada vez mais como uma ferramenta de diálogo, construção, participação e integração dos nossos parlamentares e dirigentes com o conjunto de filiados e filiadas, simpatizantes e movimentos populares. Prova de mais uma ação democrática que fortalece o Partido dos Trabalhadores para superar os desafios”, analisa o presidente estadual do PT-SP, Emidio de Souza.

 

Temática

Por meio do Fórum de Conjuntura do PT-SP, realizado sempre na primeira quarta-feira de cada mês, em parceria com o Projeto SP (Projeto Estudos dos Estados Brasileiros da Fundação Perseu Abramo), uma pauta em comum nas regiões paulistas é designada para o enfrentamento ao governo tucano no estado, tendo como meta a qualificação da oposição na apresentação de um diagnóstico atualizado e formulação de propostas de um modelo de políticas públicas defendido pelo partido.

 

O tema sugerido para os parlamentares, dirigentes e militantes debaterem no mês de novembro é o “Freio Tucano no Desenvolvimento do Estado de São Paulo”.

 

Balanço

Em cinco edições, o Dia Mensal de Mobilização contabiliza 270 cidades visitadas com as presenças dos deputados estaduais e federais; vereadores e vereadoras; prefeitos, prefeitas e vices; dirigentes nacionais e estaduais, coordenadores e coordenadoras de Macros, além da militância e representantes de movimentos sociais.

 

Confira a agenda:

Dia Mensal de Mobilização na Macro Osasco

Data: 14 de novembro (sábado)

 

Seminário do PT Osasco (Conjuntura e Estratégia Eleitoral)
Cidade: Osasco
Horário: 9h

Local: Sindicato dos Metalúrgicos

Endereço: Rua Erasmo Braga, 307 – Presidente Altino

 

Reunião com militantes e dirigentes
Cidade: Pirapora do Bom Jesus
Horário: 11h

Local: Câmara Municipal

Endereço: Praça Dom Paulo Rolim, 35 – Centro

 

Reunião com militantes e dirigentes
Cidade: Carapicuíba
Horário: 15h

Local: Diretório Municipal de Carapicuíba

Endereço: Avenida Inocêncio Seráfico, 240 – Centro

 

Informações: Coordenador Irineu Casemiro (11) 99533-5978

 

 

Entenda o Dia Mensal de Mobilização do PT-SP

A ideia é a de que os 24 parlamentares estaduais e federais do estado de São Paulo participem, no decorrer dos próximos 20 meses, de atividades, plenárias e seminários em todas as regiões do estado paulista, com a militância, prefeitos e prefeitas, vices, dirigentes, presidentes de diretórios e coordenadores de Macros, movimentos e entidades da sociedade civil.

 

Cada deputado e cada deputada visitarão, ao menos uma vez, cada região do estado, tendo assim, uma visão ampla e o diagnóstico das necessidades de cada local, além de contribuir efetivamente para o fortalecimento do PT nas pequenas e médias cidades.

 

A data pré-estabelecida para mobilização será o segundo sábado de cada mês, entre junho de 2015 a fevereiro de 2017.

 

Objetivos

– Consolidar o segundo sábado de cada mês como um dia de mobilização do PT no Estado;

 

– Ampliar a visibilidade dos mandatos dos nossos Deputados e Deputadas Estaduais e Federais no maior número das cidades paulistas;

 

– Potencializar a presença das principais lideranças do PT de São Paulo nas 20 Macrorregiões;

 

– Fazer a disputa de ideias e a defesa do PT e dos nossos governos Dilma/Lula na opinião pública local/regional;

 

– Contribuir para a organização partidária nas pequenas e médias cidades;

 

– Promover debates sobre o modo petista de governar e legislar;

 

– Fazer oposição ao governo Alckmin;

 

– Aproximar nossos mandatos e dirigentes com movimentos sociais, sindicatos, e organizações da sociedade civil progressistas;

 

– Possibilitar que filiados e filiadas, gestores, parlamentares, militantes e dirigentes do PT, cidadãs e cidadãos, instituições e movimentos interessados/as possam contribuir para o fortalecimento do Partido em todo o estado;

 

– Projetar nossa ação política com o objetivo de construirmos um diagnóstico permanente sobre o estado de São Paulo;

 

– Motivar a militância e simpatizantes a se engajar na defesa do PT, dos nossos governos e mandatos parlamentares.

 

Conheça Geraldo Cruz

Geraldo Cruz nasceu em 1954, é marceneiro por profissão. Começou sua militância social em Embu das Artes, onde chegou em 1976 e vive até hoje.

 

Nos movimentos da Comunidade Eclesial de Base (CEB), foi se constituindo como liderança em função de sua visão social, do respeito às pessoas, da luta pela igualdade de direitos e pela defesa da população de baixa renda. Trabalhou contra os loteamentos clandestinos e mobilizou a comunidade, que unida conquistou também água e luz, asfalto, creches, entre outros avanços.

 

Em 1980, participou da fundação do Partido dos Trabalhadores e em 1981, do PT em Embu das Artes. Por sua trajetória de luta nos movimentos sociais, em 1982 foi eleito o único vereador do PT de Embu, integrando o primeiro grupo de parlamentares do partido no Brasil. Ainda em seu primeiro mandato, foi autor da lei que impede a aposentadoria compulsória de prefeitos e vereadores após três mandatos, medida seguida por outros municípios em todo o país.

 

Em 14 anos no Legislativo Municipal (1982-1988, 1989-1992 e 1997-2000), Geraldinho (como é carinhosamente chamado) sempre se destacou por sua postura combativa, na fiscalização do Poder Executivo, na garantia da transparência dos atos legislativos, na defesa da participação popular e na luta por justiça social. Com coragem combateu a corrupção, denunciando ao Ministério Público o mau uso do dinheiro público na chamada “farra dos congressos”, como ficou conhecido o escândalo que envolveu a Câmara de Embu e de outros municípios.

 

Símbolo de honestidade, Geraldo Cruz tornou-se referência no Brasil, dentro e fora do PT. Como prefeito, imprimiu a marca da eficiência na administração pública, paralelamente à implementação de políticas setoriais pioneiras. Deixou o governo municipal com 75% de aprovação e alguns resultados admiráveis, entre eles, a redução em 76% dos índices de violência e a queda do analfabetismo para aproximadamente 1%.

 

Em 2010, foi eleito deputado estadual com 131.206 votos, sendo mais de 50% deles obtidos em Embu das Artes. Em 2014 é reeleito para mais um mandato.

 

 

Conheça Valmir Prascidelli

Valmir Prascidelli é deputado federal pelo PT-SP, eleito para a 55ª legislatura (2015/2019) com 84.419 votos.

 

Bacharel em Direito, faz parte de uma nova geração de lideranças do PT. Eleito em 2012 vice-prefeito de Osasco (SP), a 4ª cidade com maior PIB (Produto Interno Bruto) do estado e a 11ª do País, ocupou o cargo até sua posse como deputado federal.

 

Foi vereador em Osasco (2009/2012), onde foi líder do governo, presidente da comissão de economia e finanças e membro da comissão de constituição e justiça. Foi secretário de esportes em Osasco (2007/2008) e de habitação no município de Embu das Artes (2001/2002). Também foi Presidente da CEAGESP – Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (2003/2005), a maior central de abastecimento do Brasil.

 

Iniciou sua participação política na juventude, através de grupo de jovens da igreja católica, depois, teve intensa militância como estudante e metalúrgico, nos movimentos popular e sindical, além de ter participado das fundações do PT e da CUT.

 

Foi candidato a presidente do sindicato dos metalúrgicos de Osasco pela chapa da CUT na eleição do sindicato em 1989 e ainda foi da direção estadual da CUT-SP e da coordenação do departamento dos metalúrgicos da CUT (1986/1988). No PT, foi presidente do Diretório municipal de Osasco (1995/1999) e Coordenador da Macrorregião Osasco (1999/2002).

Conheça Emidio de Souza

 

Natural de Inúbia Paulista, no Interior de São Paulo, Emidio de Souza mudou-se com a família, aos 13 anos, para Osasco, cidade onde integrou movimentos sociais que acabariam abrindo as portas para seu ingresso na vida pública.
Morador da Vila Isabel, estudou em escolas estaduais nos bairros da Vila Pestana e do Km 18. Depois, fez curso técnico de torneiro mecânico no Senai.
Como metalúrgico, trabalhou na antiga Braseixos, hoje ArvinMeritor, além de outras metalúrgicas de cidades vizinhas a Osasco. Nessa mesma época, iniciou sua participação no movimento sindical. Paralelamente, desde o início da juventude, integrava as comunidades eclesiais de base da igreja católica.
No início da década de 80, participou da fundação do Partido dos Trabalhadores e também da criação do diretório municipal em Osasco.
Mas, apesar da militância aguerrida tanto no sindicato como no PT, apenas quase 10 anos depois iniciou sua carreira política. Em 1988, foi eleito vereador, cargo ao qual foi reconduzido outras duas vezes, em 1992 e 1996.

Devido ao seu desempenho no Legislativo, o PT de Osasco o lançou candidato a deputado estadual nas eleições de 1998. Ficou na suplência, mas em janeiro de 2001 assumiu a titularidade do mandato. Foi ainda presidente da Comissão de Relações do Trabalho e membro efetivo da Comissão de Direitos Humanos da Assembléia Legislativa. Emidio também foi escolhido, pela Rádio Jovem Pan AM, o melhor deputado estadual de 2001.

 

Foi também o candidato do PT à Prefeitura de Osasco, pela primeira vez, nas eleições de 2000. Em 2002, foi eleito deputado estadual com 102.330 votos e registrou a maior votação, em termos nominais, para o cargo na cidade de Osasco: 71.620 votos ou 24% dos votos válidos. Nesse novo mandato na Assembléia Legislativa, ocupou, entre outros cargos, a 1ª Secretaria da Mesa Diretora, o segundo mais elevado na hierarquia na Casa.
Em 2004, disputou novamente a Prefeitura de Osasco e foi eleito. Em 2008, foi reconduzido ao cargo com 50,98% das intenções, num total de 204 mil votos.
Ainda em sua carreira política, foi coordenador da campanha de Aloizio Mercadante ao governo do Estado de São Paulo em 2010. Foi também por dois mandatos consecutivos coordenador em São Paulo da Frente Nacional dos Prefeitos (FNP).
É formado em Direito e tem cinco filhos: Felipe, Naiara, Marina, Arthur e Helena.

 

Atualmente, Emidio de Souza exerce o mandato de presidente estadual do PT-SP, na gestão (2014-2017).

PT Santo André
Por PT Santo André novembro 13, 2015 13:50

PALAVRA DO DIRETÓRIO MUNICIPAL

FACEBOOK