PLANTÃO PTSA

Paulinho agora faz abaixo-assinado pelo golpe

*** Depois de anunciar sua adesão formal à tentativa de quebrar as regras democráticas, o Solidariedade, partido comandado pelo deputado federal Paulinho da Força (SP), agora convoca a população a assinar um abaixo-assinado online pelo apoio ao impeachment da presidente Dilma Rousseff; “Nossa população não aguenta mais a roubalheira que se instalou no governo federal e, particularmente, na Petrobras”, diz o material enviado à imprensa ***

Depois de anunciar sua adesão formal ao pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff, o Solidariedade, partido comandado pelo deputado federal Paulinho da Força (SP), agora convoca a população a assinar um abaixo-assinado pelo apoio à ruptura das regras democráticas.

“Convidamos você a fazer parte do nosso Abaixo-assinado Online pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff. Nossa população não aguenta mais a roubalheira que se instalou no governo federal e, particularmente, na Petrobras”, diz o material enviado à imprensa.

A expectativa de Paulinho, um dos adversários políticos mais exaltados contra a presidente, é conseguir cerca de 10 a 12 pareceres de especialistas para reforçar a tese e, a partir daí,vai protocolar oficialmente o pedido de impeachment na Câmara. Atualmente, o parlamentar conta com quatro pareceres favoráveis ao impeachment e tem mais outros encomendados.

Em recente análise ao 247, a colunista Tereza Cruvinel classificou a medida de Paulinho da Força como “agitação política” e “oportunismo”. “Pedir o impeachment de Dilma, hoje, seria pedir a revogação de seu mandato porque não existem condições jurídicas para a abertura do processo. Por isso, hoje, qualquer pedido apresentado à Câmara seria arquivado. Não por bondade de Eduardo Cunha mas por inadequação á lei, que exige a apresentação de prova de cometimento de crime de responsabilidade”, afirmou Cruvinel.

Por:

brasil247

Você também pode gostar...