O PARTIDO

#Rebelo: “ninguém sério neste País vai entrar nesta aventura de impeachment”

Ministro da Ciência e Tecnologia declara, em entrevista, que não há forças reunidas capazes de demover a presidenta e que Dilma tem todas as condições para concluir seu mandato
O ministro da Ciência e Tecnologia, Aldo Rebelo (PCdoB), afirmou, em entrevista publicada nesta quinta-feira (24) pelo jornal Folha de S. Paulo, que a presidenta Dilma Rousseff “tem todas as condições” para concluir seu mandato e que as tentativas de golpe são uma aventura prejudicial para o Brasil.

Para Rebelo, os grupos que pedem a destituição da presidenta não têm força suficiente para “levar isto à frente”.

“Na minha opinião, qualquer tentativa de interromper este processo (mandato de Dilma) é uma aventura que a sociedade brasileira não vai permitir porque é prejudicial ao interesse público e do País”, defendeu.

Ele ponderou ainda que “ninguém sério neste País vai entrar nesta aventura de impeachment”.

O ministro observou que Dilma é quem tem condições de reunir o Brasil neste momento de transição. “Ela tem todas as condições para encerrar seu mandato em 31 de dezembro de 2018”, assegura.

Durante a entrevista, Rebelo fez críticas à condução política do governo, mas acrescentou que a presidenta “deu um grande passo para a valorização da política” ao intensificar o diálogo com os aliados.

Em sua avaliação, é preciso, o quanto antes, concluir as votações do ajuste fiscal, a recriação da CPMF e reconquistar a maioria parlamentar.

 

Fonte: Agência PT de Notícias, com informações da Folha de S. Paulo

Você também pode gostar...